1. MENU
  2. CONTEUDO
  3. RODAPE
K2_DISPLAYING_ITEMS_BY_TAG Anápolis

Boletim epidemiológico publicado pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Anápolis, nesta terça-feira, 6, mostra que a porcentagem os leitos de hospitais voltados ao tratamento da Covid-19 começaram a desafogar.  A porcentagem de ocupação das Unidades de Terapia Intensiva (UTI) e enfermaria Covid-19 bateram as marcas de 77,19% e 71,65%, respectivamente.

 

Em números, dos 93 leitos de UTI Covid-19 existentes no município, 67 se encontram ocupados. Já na enfermaria, 73 dos 109 estão indisponíveis.

 

Até o momento, foram confirmados 32,9 mil casos da doença na cidade, sendo 883 vítimas fatais. Em Goiás, o número de pessoas que testaram positivo para a Covid-19 sobe para a marca de 491 mil e 11,8 mil óbitos.

 

Ainda segundo o documento, no último domingo de Páscoa, 42 novos casos e 9 óbitos foram confirmados na cidade. Na última segunda-feira, 5, apenas uma pessoa foi diagnosticada com a doença, mas outras quatro foram vítimas fatais.

 

Vacinação contra o coronavírus

 

Com o objetivo de reduzir cada vez mais a curva de contágio da doença no município, 57.585 doses do imunizante contra a Covid-19 foram aplicadas em Anápolis. Dessas, 44.915 foram primeiras doses e 12.670, segundas doses.

 

Fonte: Jornal Opção

K2_PUBLISHED_IN Saúde

Anápolis é o 11º município do Brasil que mais gerou empregos no ano de 2020. De acordo com os números divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), a cidade teve um saldo positivo de 5.265 novos postos com carteira assinada, assumindo o posto de maior geradora de empregos no estado de Goiás e de toda a região Centro-Oeste.

 

Segundo os dados do Caged, o setor industrial anapolino foi o que mais contratou, com saldo de 3.201 empregos. Logo em seguida, estão os setores de construção civil, com 586 postos criados, o comércio, com 316, o setor de serviços, com 1.132 e a agropecuária. com 30.

 

Em segundo lugar no estado, ficou o município de Rio Verde, com um saldo positivo de 3.589 vagas. Em terceiro, ficou o município de Aparecida de Goiânia, com 2.104. No ranking nacional, Rio Verde ficou em 17º.

 

Veja abaixo a classificação dos 15 municípios brasileiros que mais geraram empregos ao longo de 2020, segundo os dados do Caged.:

 

  1. Manaus (AM): 10.869
  2. São Luís (MA): 10.334
  3. Barueri (SP): 8.798
  4. Parauapebas (PA): 8.579
  5. Cajamar (SP): 7.610
  6. Campina Grande (PB): 6.492
  7. Joinville (SC): 6.157
  8. Serra (ES): 5.954
  9. Ponta Grossa (PR): 5.626
  10. São José (SC): 5.308
  11. Anápolis (GO): 5.265
  12. Contagem (MG): 5.148
  13. Lençóis Paulista (SP): 4.578
  14. Chapecó (SC): 4.488
  15. Itajaí (SC): 3.726

 

Fonte: Mais Goiás

K2_PUBLISHED_IN Região

Um cabo da reserva da Polícia Militar (PM) foi morto a tiros no final da noite do último sábado (2), após discussão em um bar na região sudoeste de Anápolis. Testemunhas contaram que o autor dos disparos é um PM da ativa, já identificado, e que ficou de se apresentar durante a madrugada na corregedoria da corporação, em Goiânia.

 

De acordo com a ocorrência registrada pela PM, o cabo Eduardo Divino Vaz, de 48 anos, se desentendeu com algumas pessoas com quem jogava sinuca em um bar que fica no Parque Calixtópolis.

 

O soldado da PM Wender Rodrigues do Couto, de 40 anos, que também estava no bar, em seu momento de folga, teria tentado separar a briga, ocasião em que o cabo reformado sacou da cintura uma pistola, e passou a ameaçar as pessoas que estavam no local.

 

Sem saber que se tratava de um colega de farda, Wender Coito também sacou sua arma, deu voz de prisão, e efetuou um único disparo, matando Eduardo Vaz, na hora.

 

O corpo do cabo reformado ficou caído ao lado da arma na porta do bar. Testemunhas relataram que antes de deixar o local, o soldado que efetuou o disparo garantiu que seguiria até Goiânia, a fim de prestar depoimento na Corregedoria da PM. 

 

Fonte: Valle Notícias

K2_PUBLISHED_IN Polícia

Um homem foi preso dirigindo embriagado, na tarde desta quarta-feira (6), na BR-060, em Rio Verde. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o motorista estava transportando 13 toneladas de palha de arroz em um caminhão que saiu de Anápolis e tinha como destino Mineiros.

 

Motorista Donizete Monteiro de Oliveira                                     (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)

motoristaembriagado

O condutor estava visivelmente alcoolizado e o teste do bafômetro apontou 1,09 mg de álcool por litro de ar expelido. Ainda segundo a PRF, quem fez a denúncia, foi o patrão do motorista, que após uma ligação, percebeu que o acusado estava embriagado. O condutor foi levado para o Distrito Policial do município.


Fonte: GoiasNet
Adaptação: Rádio Eldorado/Eduardo Candido

 

K2_PUBLISHED_IN Mineiros