1. MENU
  2. CONTEUDO
  3. RODAPE

GOIÁS | Número de mortes por afogamento aumenta 60% neste carnaval

Por Eduardo Candido 18 Fevereiro 2015 Publicado em Segurança
Votao
(1 voto)
Afogamentos aumentam Afogamentos aumentam Reprodução/TV Anhanguera

Até esta terça-feira (17/02), oito mortes por afogamento foram registradas pelo Corpo de Bombeiros durante o carnaval em Goiás. De acordo com a corporação, todas as vítimas são do sexo masculino e têm idade entre 26 e 60 anos. O índice já é 60% maior do que o mesmo período de 2014.


A primeira morte por afogamento ocorreu no sábado (14/02), em Corumbá de Goiás. No domingo foram registrados cinco casos: em Bela Vista de Goiás, Nerópolis, Iporá, Israelândia e Pires do Rio. Já na segunda-feira (16/02), os afogamentos ocorreram em Arenópolis e Itapirapuã.


Colete salva-vidas
Conforme o tenente coronel do Corpo de Bombeiros Martiniano Gondim, o índice de vítimas de afogamento aumentou em relação ao ano passado, quando foram registrados cinco casos durante todo o carnaval. Para o oficial, a situação é preocupante. “Tanto que o Corpo de Bombeiros, antes de começar o carnaval, fez o serviço preventivo, informando a população, ministrando cursos de afogamento”, disse.


O tenente coronel afirma que, na maioria das vezes, o afogamento ocorre porque as pessoas não usam equipamentos de segurança. “O afogamento acontece porque as pessoas insistem em entrar na água sem o colete salva-vidas. Sabendo ou não nadar tem que usar, vai entrar numa embarcação, tem que usar”, reforça Gondim.


Fonte: G1 Goiás

000-A-Banner WhatsAppecontatos-RadioEldorado

Instagram Radio EldoradoTwitter Radio Eldorado

 

Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro

Real Pax