1. MENU
  2. CONTEUDO
  3. RODAPE

Em quase dois anos, programa da Justiça de Goiás salvou 16 crianças do abandono

Por Lucas Silva 15 Fevereiro 2022 Publicado em Estado
Votao
(0 votos)

Na tentativa de contornar o drama social que é o abandono de recém-nascidos, o Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO) criou o programa Entrega Legal para Adoção. O programa existe desde 2020 e visa a “orientar a acolher mães ou gestantes que manifestem o desejo de entregar o filho para adoção”. Além disso, “envolve diversos órgãos com o objetivo de prestar assistência social, psicológica e jurídica para a mãe ou gestante”.

 

Segundo informações do judiciário, 62 mães já procuraram o programa. Todas elas, gestantes. Destas, 16 entregaram seus filhos e 40 desistiram (algumas ainda estão no processo). Todas elas foram adotadas. Confira os números:

 

Quantas mães já procuraram o programa?

 

2020: 20
2021: 36
2022: 6


Todas eram gestantes

Quantas entregaram efetivamente as crianças?
2020: 4
2021: 12
2022: 0

Quantas desistiram?
2020: 16
2021: 24
2022: 0

Quantas pediram sigilo?
Todas pediram, apenas um caso não solicitou.

 

Quantas crianças foram efetivamente adotadas?

Todas as que foram entregues: 16

 

Como entrar

 

Para entrar no programa, basta procurar um fórum ou juizado da Infância de Juventude. Ou ainda Conselhos Tutelares, Maternidades, Centro de Referência em Assistência Social (Cras), Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), ou outra unidade similar para manifestar a intenção e receber as orientações necessárias – se a criação tiver nascido, é preciso da Declaração de Nascido Vivo ou Certidão de Nascimento.

 

O projeto foi concebido a fim de evitar situações de abandono, como a ocorrida no último fim de semana, em que o Corpo de Bombeiros Militar de Goiás (CBM-GO) resgatou uma recém-nascida abandonada em um terreno baldio próximo a uma cisterna, no bairro Parque Estrela D’Alva 11, Santo Antônio do Descoberto, no último sábado (12).

 

Na ocasião, os profissionais encontraram a bebê em um saco plástico e realizaram o protocolo de atendimento pré-hospitalar. Ela estava com os sinais vitais normais e sem lesões aparentes, informaram os bombeiros. Depois do primeiro atendimento, eles levaram a neném para o Hospital Municipal de Santo Antônio do Descoberto.

 

Mais Goiás

Instagram Radio EldoradoTwitter Radio Eldorado

 

Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro
Parceiro

Real Pax