1. MENU
  2. CONTEUDO
  3. RODAPE

MINEIROS | Em audiência pública, CPI da Enel ouve reclamações da população mineirense e região

Por Marcelo Justo 03 Dezembro 2019 Publicado em Mineiros
Votao
(0 votos)
Plenário da Câmara Plenário da Câmara Sidney Pereira/R. Eldorado

Nesta segunda-feira (02/12), às 19h, o deputado Cairo Salim (Pros), relator da CPI da Enel, realizou audiência pública, no plenário da Câmara Municipal, em Mineiros (GO).


No encontro foram colhidas as reivindicações e denúncias de políticos, empresários, agropecuaristas, avicultores, pecuaristas e lideranças dos municípios de Mineiros, Portelândia e Santa Rita do Araguaia.


“É um absurdo que o sudoeste goiano, Mineiros e região estejam sofrendo com falta de energia. Isso chega ser ridículo, lamentável, parece que nós estamos no século 19. Uma falta de respeito com a região do sudoeste, com a cidade de Mineiros. É triste a gente vim aqui hoje e observar um auditório lotado, todo mundo trabalhador, querendo movimentar a economia, gerar emprego, produzir e sofrendo porque não tem energia disponível. O nosso papel enquanto deputado e os vereadores da casa também, é pressionar a empresa Enel para que ela respeite o cidadão goiano, respeite o cidadão mineirense e melhore o serviço de energia aqui com urgência”, alertou Cairo Salim.


Dentre as contribuições trazidas pelos representantes presentes na audiência pública, destaca-se a inclusa na fala do presidente da Associação dos Avicultores Integrados da Perdigão (Avip), Aloir Vicente da Silva.


“Hoje em Mineiros, nós temos 184 granjas, que compreende 540 aviários. Nós só estamos produzindo em 30% dessas granjas. Desses 30% eu usei três exemplos apenas na audiência. Do dia 21 de outubro ao dia 04 de novembro, ou seja, 21 dias, desses eu fiquei 15 dias, 42 horas e 40 minutos sem energia. Nós temos outros dois casos que são mais de 30 dias que as granjas estão sem energia. Na semana passada, tivemos um pequeno sinistro em uma granja que morreu 2.500 aves. Nós estamos neste caso caótico com essa energia em nossa região. Nós precisamos que efetivamente alguém venha e resolva essa situação pra nós”, relatou Aloir Vicente. Ouça entrevista completa abaixo.

00 A Banner WhatsAppecontatos RadioEldorado2

Mídia

Galeria de imagem