1. MENU
  2. CONTEUDO
  3. RODAPE

RIO VERDE | Vazamento de amônia em indústria de alimentos deixa funcionários intoxicados

Por Marcelo Justo 27 Março 2019 Publicado em Região
Votao
(0 votos)
Lido 369 vezes
Funcionários Funcionários Reprodução/ TV Anhanguera

Na manhã desta quarta-feira (27/03), Um vazamento de amônia na unidade da BRF em Rio Verde (GO), deixou oito funcionários intoxicados, segundo informações da própria empresa.


A indústria de alimentos teve de ser evacuada.


“Antes de adentrar à indústria já dá de sentir o odor característico da amônia. Quando as equipes do Corpo de Bombeiros chegaram, já tinham fechado o registro para a contenção inicial do vazamento”, disse o coronel Amilton Souza Conceição.


Localizada às margens da rodovia BR-060, a unidade da BRF em Rio Verde tem 220 hectares e produz processados de aves, suínos e linhas de industrializados. A indústria da cidade goiana tem 7,2 mil funcionários diretos.


A companhia informou, em nota, que a situação já foi controlada.


"Tão logo identificou o fato, a companhia acionou imediatamente o seu plano de evacuação, de modo a preservar a saúde e a segurança dos funcionários que já se encontravam na unidade".


Intoxicados
A empresa informou que oito funcionários foram encaminhados à unidade de saúde.


De acordo com os bombeiros, equipes de brigada da própria indústria e da corporação levaram funcionários para um hospital particular da cidade.


“A amônia é tóxica, causa irritação, náuseas e pode chegar ao caso de desmaio. Não tivemos informações de pessoas que tiveram situação mais grave da inalação”, explicou o coronel.


Conforme a BRF, os funcionários permanecem internados em observação, mas, passam bem.


Causas do vazamento
Ainda não há informações sobre a causa do vazamento.


A companhia informou que já mobilizou uma equipe técnica especializada para investigar os fatos que levaram ao ocorrido.


De acordo com a BRF, até as 8h50, parte das atividades já tinham sido retomadas. A previsão é de que "nas próximas horas, as demais áreas também serão liberadas".


Fonte: G1 Goiás (com adaptações)

00 A Banner WhatsAppecontatos RadioEldorado1