1. MENU
  2. CONTEUDO
  3. RODAPE

No cargo há duas semanas, presidente do Ibram renuncia após tragédia em Brumadinho

Por Marcelo Justo 04 Fevereiro 2019 Publicado em Brasil
Votao
(0 votos)
Jerson Kelman Jerson Kelman Reprodução

O presidente do Instituto Brasileiro de Mineração (Ibram) Jerson Kelman, renunciou ao cargo na última sexta-feira (1º), mas, a informação só foi divulgada nesta segunda-feira (04/02).


O engenheiro pediu demissão duas semanas após ter sido indicado para o posto.


Em nota, a assessoria de comunicação do instituto não informou as razões para a renúncia do presidente.


Jerson Kelman havia sido eleito para o posto por unanimidade em 18 de janeiro, em substituição a Walter Alvarenga.


O anúncio ocorre dez dias após o rompimento da barragem da Vale, em Brumadinho, que fica a cerca de 50 quilômetros de Belo Horizonte.


Nascido no Rio de Janeiro em 1948, Kelman foi presidente da Sabesp e do Grupo Light, diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e presidente da Agência Nacional de Águas (ANA).


Segundo a nota divulgada pelo Ibram, em breve o Conselho Diretor do órgão vai indicar um profissional para presidir a organização. Ouça áudio abaixo.


Rádio Eldorado, com informações da Agência do Rádio

00 A Banner WhatsAppecontatos RadioEldorado1

Mídia