1. MENU
  2. CONTEUDO
  3. RODAPE

Ônibus da caravana do ex-presidente Lula são atingidos por tiros no Paraná

Por Marcelo Justo 27 Março 2018 Publicado em Brasil
Votao
(0 votos)
Lido 353 vezes
Ônibus Ônibus Reprodução/RPC

Ônibus da caravana do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foram atingidos por tiros, no Paraná. Ninguém se feriu e a polícia vai investigar o caso.


Segundo a assessoria do Partido dos Trabalhadores (PT), três tiros atingiram dois ônibus da caravana. As imagens mostram as marcas dos disparos.


Na internet, o senador Lindbergh Farias disse que o ataque aconteceu no caminho entre Quedas do Iguaçu e Laranjeiras do Sul, e que ninguém ficou ferido.


Desde que a caravana começou, no Rio Grande do Sul, manifestantes têm protestado contra a presença do ex-presidente na região.


Houve bloqueios de estradas para que a caravana não passasse. Manifestantes atiraram ovos contra a comitiva e exibiram cartazes com xingamentos contra Lula.


Nesta terça-feira (27/03), também na internet, o ex-presidente Lula chamou os manifestantes de fascistas e disse: “Já atiraram ovos, pedras. Hoje deram até um tiro no ônibus”.


lula

A Polícia Civil (PC) do Paraná declarou que abriu um inquérito para investigar o caso e que será feita uma perícia nos ônibus.


A PC também afirmou que o ex-presidente não estava nos ônibus no momento dos disparos. Já a Polícia Militar (PM) do estado declarou que aumentou o policiamento no local da caravana.


O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, classificou o ato de inaceitável e disse que está acompanhando o caso e que vai tomar as providências que forem necessárias.


“Eu sempre que sou solicitado e que acontece esse tipo de confronto eu procuro as autoridades estaduais para pedir atenção para o caso. Então, é uma praxe, eu diria assim, é uma norma que eu tenho seguido quando essas coisas acontecem. Não só agora, mas, sempre que acontecer, eu vou procurar exatamente chamar atenção para que exista, e já existe, eu acredito, preocupação com isso, mas que seja redobrado”, disse Jungmann.


Fonte: G1 PR (com adaptações)

00 A Banner WhatsAppecontatos RadioEldorado1