1. MENU
  2. CONTEUDO
  3. RODAPE

Em ação de inteligência e agilidade, a equipe GPT Motos, da Polícia Militar de Mineiros (7ª CIPM), deteve um perigoso traficante na tarde desta sexta-feira (16) e mais drogas, assim como aconteceu na tarde de ontem (15) - clique aqui e entenda o caso. Desta vez a apreensão foi no Setor Alvina Paniago.

De acordo com o comandante da 7ª CIPM, capitão Carlos Ailton, denúncias anônimas de cidadãos levaram os policiais ao traficante, Soail e à usuária de drogas, Débora. "Com as denúncias de que no local funcionava uma ‘boca de fumo’, os policiais começaram a monitorar a região até identificar o suspeito e localizar a casa onde seria o ponto de tráfico", afirmou Ailton.

“Na tarde de hoje, a equipe GPT Motos visualizou o suspeito nas proximidades de sua casa e, de acordo com os policiais, a impressão era que ele aguardava alguém. Ao ver os policiais, ele teria se apavorado, o que aumentou a suspeita de que ele pudesse estar em posse de entorpecentes. A patrulha o abordou e realizou rápida busca pessoal em seu corpo e em sua residência. Dentro da casa achamos a droga”, contou o comandante.   

Dentro da casa, foram encontrados aproximadamente 200 gramas de maconha, dividida em vários tabletes e 12 papelotes de crack. A polícia também apreendeu uma quantidade de dinheiro, celulares e artefatos utilizados para o consumo e tráfico. Na casa, também estava presente a jovem que estava utilizando entorpecentes, Débora.

Soail foi levado para a Polícia Civil de Mineiros.  Segundo o comandante Carlos Ailton, ele será autuado em flagrante. O capitão afirmou ainda, que o Soail já teria sido preso e condenado anteriormente, também por tráfico de drogas, em Mato Grosso. Ele havia sido preso em Guiratinga (MT) e cumprido pena no presídio Mata Grande, em Rondonópolis (MT).

Clique aqui e veja as fotos do traficante e das drogas

Siga-nos no Twitter e no Facebook
Twitter - Facebook

K2_PUBLISHED_IN Polícia

Depois de denúncias, a Polícia Militar (7ª CIPM) prendeu cinco suspeitos de pertencerem à quadrilha que explodiu caixas eletrônicos em Inaciolândia (GO), na madrugada de terça-feira (13). Eles foram presos ontem, em Chapadão do Céu (GO), a 196 quilômetros de Mineiros. Com os suspeitos, foram apreendidos três carros roubados.

De acordo com o cabo Edmar Andrade da 7ª CIPM de Mineiros, os suspeitos teriam declarado que iriam trocar os carros por drogas em um país vizinho ao Brasil. Segundo Andrade, os cinco tinham passagens anteriores pela polícia, todos pelo mesmo crime: assalto a mão armada.

Entenda o caso de Inaciolândia

Três suspeitos de explodir caixas eletrônicos são mortos pela polícia
Quatro suspeitos de explodirem dois caixas eletrônicos no município Inaciolândia-GO foram capturados. Três deles morreram durante troca de tiros com a polícia e Jerry Bruno da Costa, de 21 anos, foi preso em flagrante, depois de se esconder em uma árvore da cidade e ser avistado por moradores. A ação aconteceu em uma agência do Banco do Brasil, que fica na região central da cidade.

Policiais civis da Delegacia de Investigação Criminal (Deic) acompanhavam o grupo a cerca de um mês, e depois de uma denúncia chegaram até a agência, onde os suspeitos agiriam por volta das 2h30. Quando foram flagrados pelos policiais, os homens reagiram e houve troca de tiros. Três suspeitos morreram no local e um policial ficou ferido no tornozelo. O veículo usado pelos presos, um Volkswagen Voyage prata com placa de Morrinhos (GO), foi apreendido.

Segundo informações do tenente da Polícia Militar, Mário Demuro, que acompanhou a operação, Jerri Bruno foi capturado em seguida. “Ele estava em cima de uma árvore nas proximidades da agência”, explica. Um Fiat Brava prata conseguiu escapar. Ainda não se sabe quantos homens estavam no carro, mas a  polícia acredita que, no total, a quadrilha era composta por oito pessoas. “Há a possibilidade de haver alguém ferido dentro do carro”, alerta o tenente.

Até hoje de manhã a polícia não sabia quanto dinheiro havia sido levado. Jerri foi encaminhado para o município de Quirinópolis onde prestará depoimento e em seguida será transferido para Goiânia.

Presos três integrantes da quadrilha que explodiu caixa eletrônico

A Polícia Civil de Itumbiara deteve outras três pessoas suspeitas de participar da quadrilha que tentou roubar uma agência do Banco do Brasil em Inaciolândia. Villander Nascimento Costa, 22 anos, Francisco Raimundo Bezerra, 45 anos, e uma adolescente de 17 anos foram detidos em duas casas alugadas pelo grupo em dois bairros distantes de Itumbiara.

De acordo com a Polícia Civil, os três seriam responsáveis pelo apoio e logística dos assaltantes que entraram em confronto com os policia, e não participaram diretamente da ação. Além do roubo de Inaciolândia, o grupo seria responsável por assaltos em Rio Quente, Maurilândia e Cachoeira Dourada.

Segundo a Polícia Civil, tanto Jerry quanto Villander e Francisco são de Ituiutaba (MG) e teriam alugado as casas para o grupo, que arrombava caixas eletrônicos na região Sul do Estado. Nas casas foram encontrados radiocomunicadores, luvas, máscaras, binóculos, cordas, placas de veículos e ferramentas como furadeira. Os policiais ainda encontraram um aparelho de GPS e rastreador, que bloqueia sinais de celulares e tem comercialização proibida. Em uma oficina foram encontrados dois carros utilizados pelo bando, um Toyota Corolla e um Honda Civic.

Também foram encontrados documentos de identidade de moradores de Ituiutaba e São Paulo. A polícia suspeita que os documentos pertençam aos integrantes da quadrilha que continuam foragidos. Das oito pessoas que invadiram a agência, três foram mortas pela polícia e uma foi presa.

Os três detidos em Itumbiara devem responder pelo crime de formação de quadrilha. O grupo será encaminhado para o presídio do distrito deSarandi, em Itumbiara.

Fonte: A Redação

K2_PUBLISHED_IN Polícia

A Polícia Federal apreendeu 400 quilos de cocaína na BR-364, próximo ao município de Rondonópolis, a 305 quilômetros de Mineiros, na noite desta sexta-feira (9). Conforme a polícia, a droga estava escondida em um caminhão que transportava carga de caroço de algodão. O caso foi descoberto quando o veículo foi abordado para a fiscalização e o motorista acabou preso pelos policiais.

Ainda segundo a PF, no meio da carga foram encontrados 397 tabletes de cocaína. Durante a abordagem, os agentes federais perceberam que o suspeito estava nervoso e não soube dizer exatamente onde descarregaria a carga de caroço de algodão. Foi verificado que ele já havia sido preso anteriormente por tráfico de drogas.

No entanto, durante depoimento à polícia, o motorista confessou que carregou a cocaína em Cuiabá e iria fazer o descarregamento em Rondonópolis. Ele foi autuado por tráfico de drogas e encaminhado ao presídio do município.

Fonte: G1 Mato Grosso

Siga-nos no Twitter e no Facebook
Twitter - Facebook

K2_PUBLISHED_IN Polícia

Um homem foi brutalmente assassinado nesta terça-feira (28). De acordo com a Polícia Militar, ele teria sido agredido por outro homem, que estava com uma ‘ripa’ com pregos na ponta. O homem, que até o momento não foi identificado, levou várias pauladas no rosto até morrer. O corpo ficou com o rosto desfigurado.

Segundo a polícia, o crime teria acontecido por volta das 22h, no Bairro Liberdade, em Rio Verde (GO). Mesmo depois de vários patrulhamentos nas proximidades, os policiais não encontraram o assassino. Além disso, polícia também não tem pistas de quem teria cometido o crime.

Uma equipe da Polícia Técnico Científica esteve no local e conduziu o corpo ao Instituto Médico Legal (IML) da cidade, onde permanece sem identificação, já que não portava documentos. De acordo com a polícia, trata-se de um jovem de 25 a 30 anos. Estava usando calça jeans azul, coturno e camiseta preta e amarela (com um número 69 na parte da frente). A ripa utilizada no assassinato estava próxima ao corpo.

Rádio Eldorado, com informações do site plantaopolicialrv.com.br

Siga-nos no Twitter e no Facebook
Twitter - Facebook

K2_PUBLISHED_IN Polícia

A Polícia Militar de Mineiros (7ª CIPM) deteve nesta segunda-feira (27) uma mulher, de 30 anos, e uma menor de idade, de 17 anos, que estavam em posse de uma banana de dinamite no Setor Alvina Paniago. De acordo com a polícia, a apreensão poderá levar a polícia à meliantes envolvidos com as mulheres.

Segundo a 7ª CIPM, há suspeitas de que o explosivo seria usado para explodir caixas eletrônicos em Mineiros, o que assusta a população, já que vários casos semelhantes aconteceram em cidades do sudoeste goiano. (clique aqui e saiba mais)

Ação policial
O trabalho da polícia começou cedo nesta segunda-feira. Por volta das 8h45, funcionários de um posto de combustível foram roubados nas proximidades do Banco do Brasil por dois meliantes, que estavam em uma moto.

Depois que os policiais ficaram sabendo do ocorrido, as investigações começaram. Por volta das 11h, uma informação anônima chegou até a polícia. Dois indivíduos teriam entrado e saído de uma casa no Setor Alvina Paniago de forma suspeita. Ligando uma informação a outra, os policiais constataram que os sujeitos poderiam ser os mesmos do roubo no Banco do Brasil.

Ao chegarem à residência, encontraram a mulher e a menor no local. Ao serem indagadas sobre os indivíduos, elas caíram em contradição em suas declarações e acabaram confessando que eles eram os responsáveis pelo roubo. Nesta casa, os policiais ainda encontraram a dinamite escondida e uma placa de moto roubada, que seria de um cidadão mineirense.

Posteriormente, os militares firam sabendo que os meliantes tinham alugado uma casa no mesmo bairro. A equipe de policiais seguiu para a residência. Ao chegar lá, realizaram buscas dentro da casa e acabaram encontrando uma porção de maconha, roupas que possivelmente foram usadas no roubo e dois capacetes. 

De acordo com o cabo Edmar Andrade, os meliantes ainda não foram pegos, mas a polícia ainda continua no rastro dos delinquentes.

Siga-nos no Twitter e no Facebook
Twitter - Facebook


K2_PUBLISHED_IN Polícia

Em menos de seis meses, mais de dez roubos a caixas eletrônicos foram registrados no sudoeste de Goiás, afirma a Polícia Civil. Na rota das quadrilhas especializadas nesse tipo de crime, estão os municípios de Maurilândia, Rio Verde, São Simão, Paranaiguara, Acreúna e Itarumã.

Em um dos casos, os ladrões entraram pelo teto de uma agência em Rio Verde e levaram cerca de R$ 13 mil, duas armas e coletes a prova de balas, que eram utilizados pelos seguranças da unidade. Entretanto, em Maurilândia, os criminosos foram surpreendidos pelo polícia enquanto tentavam roubar um banco do município. Durante a ação policial, houve trocas de tiros e dois ladrões morreram e outro foi preso.

Investimento

A Polícia Civil alega que as agências bancárias não investem o quanto deveriam na segurança dos bancos e na prevenção de roubos. De acordo com o delegado Danilo Fabiano Carvalho, existem fragilidades que facilitam ações criminosas nesses locais. “Os bancos investem quase nada na segurança dos clientes e, consequentemente, acabam não colaborando com o trabalho de prevenção e repressão da polícia”, explica.

Enquanto isso, os clientes se sentem desprotegidos. “Fico com medo. Não tem guarda nem nas portas dos bancos”, declara o vigilante Divino Ferreira da Silva. O taxista Adejair Costa de Oliveira também lamenta a situação: “O cliente não tem nenhuma proteção e nem garantia de algum tipo de segurança”.

Medida
De acordo com o vice-presidente de relações institucionais da Associação de Bancos do Estado de Goiás (Asban) , Mário Fernandes Maia Queiroz, os assaltos a caixas eletrônicos são uma questão de segurança pública e, por isso, a entidade está intensificando o trabalho em parceria a Polícia Militar. Além disso, ele salientou que os bancos cumprem a lei federal aplicada a atividade. Porém, em Goiânia, a Asban está discutindo lei municipal que obriga os bancos a colocar guardas em todos os caixas eletrônicos do município.

Fonte: G1 Goiás

Siga-nos no Twitter e no Facebook
Twitter - Facebook

K2_PUBLISHED_IN Polícia

Uma viatura da Polícia Militar de Mineiros (7ª CIPM) acabou colidindo com um contêiner durante uma perseguição policial a um motociclista, no último sábado (18). O acidente ocorreu por volta das 15h, no bairro São João.

De acordo com a 7ª CIPM, um dos policiais da viatura sofreu um pequeno ferimento no rosto e está bem.

Siga-nos no Twitter e no Facebook
Twitter - Facebook

K2_PUBLISHED_IN Polícia

Um rapaz, de 21 anos, envolvido numa pancadaria em um dos bares do Lago Canto do cerrado, fez um tremendo papelão no último domingo (12). Os policiais militares da 7ª CIPM, soldado Sergio e o cabo Sandoval, com auxílio do cabo Fagundes e o soldado Jarbas, se deslocaram até o bar para acalmar os ânimos, mas acabaram tendo que usar da força para deter um dos brigões. O jovem, ao ser imobilizado, acabou mordendo a mão esquerda de um dos policiais.

De acordo com a polícia, o rapaz, totalmente descontrolado, ainda teria empurrado várias motos estacionadas no local com o próprio ombro. Mesmo com a resistência, os policiais conseguiram detê-lo e o encaminharam à delegacia. Por conta da briga, ele ainda sofreu escoriações na barriga.

Siga-nos no Twitter e no Facebook
Twitter - Facebook

K2_PUBLISHED_IN Polícia

Uma mulher de 22 anos foi presa na tarde desta quarta-feira (8), com três quilos de pasta base de cocaína, em Santa Rita do Araguaia, a 90 quilômetros de Mineiros. A jovem foi presa em flagrante pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) e encaminhada à delegacia de Mineiros.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a suspeita transportava a droga em um ônibus interestadual que fazia a linha Cuiabá (MT)-Juiz de Fora (MG). O caso ocorreu durante uma fiscalização de rotina no posto da PRF na BR-164. Por volta das 17h30, policiais pararam o veículo e revistaram as malas dos 25 passageiros. Os três tabletes de pasta base estavam na bagagem da mulher.

Ao ser detida, a mulher disse aos policiais que pegou a mala na rodoviária de Cuiabá para entregar a uma pessoa, que não sabe quem é, no terminal rodoviário de Vitória (ES). Pelo transporte ela ganharia R$ 2 mil.

Siga-nos no Twitter e no Facebook
Twitter - Facebook

 

 

K2_PUBLISHED_IN Mineiros

Um produtor rural sofreu uma tentativa de homicídio, na manhã desta quarta-feira (8), na cidade de Damolândia, a 489 quilômetros de Mineiros. O homem de 53 anos levou dois tiros, um no tórax e outro no abdômen, e foi levado para o Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo). Por volta de 17h, a vítima passava por cirurgia para a retirada dos projéteis.

O crime aconteceu às 8h30, na fazenda onde a vítima trabalha. Segundo informações do Posto Policial do Hugo, o ato foi motivado por uma dívida de R$ 30 mil. Parentes disseram aos policiais que autor dos disparos é um agiota que emprestou dinheiro ao produtor.

De acordo com o sargento Celso José Duarte, a Polícia Militar de Damolândia esteve na casa do suspeito, mas até o momento ele está desaparecido. "Agora estamos fazendo buscas nas cidades vizinhas como Nerópolis e Petrolina", diz o PM. O caso será investigado pela Delegacia Regional de Inhumas.

Fonte: G1 Goiás

Siga-nos no Twitter e no Facebook
Twitter - Facebook

K2_PUBLISHED_IN Polícia